Chico Ferreira: Fachin afirma que irá julgar Lava Jato com celeridade, prudência e transparência

Pesquisar este blog

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

Fachin afirma que irá julgar Lava Jato com celeridade, prudência e transparência


Fachin afirma que irá julgar Lava Jato com celeridade, prudência e transparência


O ministro Edson Fachin, sorteado para ser relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), afirmou nesta quinta-feira (2) que irá cumprir seu dever com "prudência, celeridade, responsabilidade e transparência". Fachin recebeu o caso, que estava sob o comando de Teori Zavascki, ministro morto em um acidente de avião em Paraty, no Rio, no dia 19 de janeiro. "O ministro Edson Fachin, a quem, na forma regimental, foram redistribuídos nesta data os processos vinculados à denominada Operação Lava Jato, reconhece a importância dos novos encargos e reitera seu compromisso de cumprir seu dever com prudência, celeridade, responsabilidade e transparência", afirmou a nota. O ministro já iniciou a transição com a equipe que trabalhava com Teori. Fachin receberá cerca de 100 processos relacionados à Lava Jato, incluindo as delações de 77 executivos e ex-funcionários da Odebrecht.