Chico Ferreira: Luiz Argolo é condenado em segunda instância no âmbito da Operação Lava Jato

Pesquisar este blog


.

quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

Luiz Argolo é condenado em segunda instância no âmbito da Operação Lava Jato


Luiz Argolo é condenado em segunda instância no âmbito da Operação Lava Jato


O ex-deputado federal baiano Luiz Argolo foi condenado em segunda instância pela 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4), no Paraná, no âmbito da Operação Lava Jato. O colegiado julgou nesta quarta-feira (14) a apelação criminal de Argolo, denunciado como um dos beneficiários das propinas pagas aos políticos do Partido Progressista pelas empreiteiras envolvidas na operação. Os desembargadores confirmaram a condenação do baiano por corrupção passiva e lavagem de dinheiro, aumentando a pena de 11 anos e 11 meses para 12 anos e 8 meses de reclusão. A turma entendeu que o réu tinha condições sociais e intelectuais de obedecer à lei e evitar condutas ilícitas, mas preferiu praticá-las, de acordo com o site Paraná Portal. Por outro lado, os desembargadores absolveram Argolo por falta de provas nos casos da transportadora 'União Brasil' e da compra do helicóptero da Cardiomédica, em que foi denunciado por recebimento de vantagem indevida das empresas para facilitar o fechamento de contratos. Com isso o valor a ser ressarcido aos cofres públicos passou de R$ 1.474.442,00 para R$ 1.028.700,00. Argolo não fez acordo de colaboração e deve iniciar o cumprimento provisório da pena quando passarem os prazos para interposição de recursos.