Chico Ferreira: Temer vai exonerar ministros com mandato na Câmara para votação da Previdência

Pesquisar este blog


.

terça-feira, 25 de abril de 2017

Temer vai exonerar ministros com mandato na Câmara para votação da Previdência


Temer vai exonerar ministros com mandato na Câmara para votação da Previdência


Para garantir votos favoráveis à reforma da Previdência, Michel Temer (PMDB) vai exonerar todos os seus ministros que tiverem mandato na Câmara dos Deputados. De acordo com a Agência Brasil, a exoneração deve ocorrer dias antes da votação no plenário da Casa, o que está previsto para o dia 8 de maio. A decisão foi anunciada pelo ministro da Secretaria de Governo, Antônio Imbassahy (PSDB-BA), depois de uma reunião do presidente com a equipe ministerial nessa segunda-feira (24), no Palácio do Planalto. "É um reforço. É como se fosse reforçar o time em campo. Vai ficar mais reforçado ainda com a ação efetiva e presente dos ministros na Câmara dos Deputados", declarou Imbassahy, que também será exonerado. O político baiano acredita que, com as últimas alterações, o texto seja aprovado. "Acho que vai ter uma interação entre opinião pública e congressistas. E os congressistas vão ver que agora é uma outra base e que suas propostas foram absolvidas no relatório do deputado Arthur Maia (PPS-BA)", acrescentou. Dos 14 deputados federais presentes na equipe de ministros, apenas o titular da Defesa, Raul Jungmann (PPS-PE), não vai voltar ao Congresso porque ele é suplente d ministro da Educação, Mendonça Filho (DEM-PE), que voltará à Câmara para votar. "O governo vai jogar todas as forças no sentido da aprovação da reforma da Previdência", ressaltou Mendonça Filho, que classificou a decisão como uma prova do "compromisso daqueles que ocupam função nos ministérios no sentido de ajudar uma reforma decisiva para o futuro do Brasil". Além de participar da votação, Temer espera que os ministros atuem com os líderes dos partidos para garantir a fidelidade dos parlamentares da base do governo. Os ministros também devem evitar fazer viagens nos próximos dias, permanecendo em Brasília com foco na articulação.