Chico Ferreira: Carne Fraca: Ministério da Agricultura divulga lista de servidores afastados

Pesquisar este blog

terça-feira, 21 de março de 2017

Carne Fraca: Ministério da Agricultura divulga lista de servidores afastados



Carne Fraca: Ministério da Agricultura divulga lista de servidores afastados
Ministro Blairo Maggi | Foto: José Cruz / Agência Brasil
O Ministério da Agricultura divulgou nesta terça-feira (21) uma lista com o nome dos 33 servidores afastados por conta da Operação Carne Fraca, deflagrada pela Polícia Federal na última sexta-feira (17). Segundo a Corregedoria-Geral da pasta, esses servidores estão respondendo a processo administrativo disciplinar. Dos 33 trabalhadores, 29 atuavam no Paraná. Outros três são do estado de Goiás e um é de Minas Gerais. Clique aqui e veja a lista completa de servidores. O ministério divulgou também nesta terça as condutas investigadas em cada um dos 21 frigoríficos suspeitos de irregularidades pela Polícia Federal. Os casos mais graves foram identificados nos três estabelecimentos que tiveram as atividades suspensas na semana passada. Os frigoríficos da empresa Peccin, localizados em Curitiba (PR) e em Jaraguá do Sul (SC), são investigados pela utilização de carne estragada em salsicha e linguiça e uso de aditivos acima do limite ou de aditivos proibidos. Já o frigorífico da BRF - dona das marcas Sadia e Perdigão - na cidade de Mineiros (GO) é investigada por corrupção, embaraço da fiscalização internacional e nacional, além de tentativa de evitar suspensão de exportação. Outros estabelecimentos são investigados por irregularidades como não controle de recebimento de matéria-prima e poluição ambiental. Clique aqui e veja a lista completa de condutas investigadas pelo Ministério da Agricultura nos frigoríficos.