Chico Ferreira: Temer retira André Moura da liderança do governo; demissão foi feita por telefone

Pesquisar este blog


.

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

Temer retira André Moura da liderança do governo; demissão foi feita por telefone


Temer retira André Moura da liderança do governo; demissão foi feita por telefone
Foto: Wilson Dias/ Agência Brasil
O deputado André Moura (PSC-SE) não é mais líder do governo na Câmara. A notícia foi dada nesta quinta-feira (23) pelo próprio presidente Michel Temer, por meio de telefonema. O deputado Aguinaldo Ribeiro (PP-PB) assume o posto. Em uma tentativa de contemplar o PMDB, Temer avalia criar uma liderança da maioria, que deve ser entregue ao deputado Lelo Coimbra (PMDB-RS). Os nomes deles devem ser oficializados nesta sexta (24). Em nota publicada em suas redes sociais, Moura falou sobre sua saída da liderança governista. "Nesta tarde, em Sergipe, onde me encontro, recebi telefonema do presidente Michel Temer comunicando-me de mudanças na liderança do governo na Câmara dos Deputados", informou Moura em uma nota publicada em suas redes sociais nesta noite. Moura disse que foi um "enorme orgulho" servir ao governo Temer. "Além do agradecimento pessoal ao presidente Michel Temer, agradeço em especial, pelo trato corriqueiro, o apoio do ministro Eliseu Padilha, do ex-ministro Geddel Vieira Lima e do ministro Antônio Imbassahy, e de Sandro Mabel, líderes que entendem a dinâmica, funcionamento e força da Câmara dos Deputados”. A saída de Moura é atribuída a uma imposição do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), que não aceitou a permanência dele no posto. O democrata já fez críticas abertas ao colega. Maia havia negociado a liderança do governo com o PP em troca de apoio à sua reeleição no comando da Câmara, no início deste mês.