Chico Ferreira: 10 meses sem Beatriz Angélica

Pesquisar este blog

quinta-feira, 13 de outubro de 2016

10 meses sem Beatriz Angélica





Estava programada para esta sexta-feira (14), na Praça da Catedral, centro de Petrolina, mas foi adiada para uma outra oportunidade em data ainda a ser definida, mais uma manifestação para pedir celeridade nas investigações da morte da menina Beatriz Angélica Mota. O crime completou 10 meses na última segunda-feira (10) e segue sem um desfecho. Até o momento ninguém foi preso pelo crime. O evento será organizado pelos familiares e amigos da família de Beatriz. Em  Sobradinho  foi  completamente  diferente  o  assassino  do  garoto Carlos  Eduardo   ficou  detido na  delegacia  por algumas  horas e  depois  liberado  pelo  comandante  da  polícia civil, e em  seguida  deixado pela  viatura da polícia nas  proximidades  de  Casa  Nova,  e  de  lá  o  criminoso  foi  para  Petrolina  onde  matou  outra  criança  de  nove  anos  de  idade. O  assassinato  de  Carlos  Eduardo ficou  no  esquecimento,  semelhante  a  outros  que aconteceram  em  Sobradinho.