Chico Ferreira: PCdoB-BA pleiteia vaga para o Senado nas eleições de 2018

Pesquisar este blog

terça-feira, 20 de junho de 2017

PCdoB-BA pleiteia vaga para o Senado nas eleições de 2018





A Comissão Política Estadual do PCdoB, reunida nesta segunda-feira (19/06), em Salvador, deliberou que o partido vai pleitear uma vaga para o Senador Federal, na chapa majoritária que deverá ser liderada pelo governador Rui Costa (PT), nas eleições do ano que vem. Três nomes foram selecionados como opções para ocupar a vaga: Alice Portugal e Daniel Almeida, ambos deputados federais, e Isaac Carvalho, ex-prefeito e atual secretário de Governo em Juazeiro.
O presidente estadual do partido, Davidson Magalhães, afirmou que a legitimidade do pleito é decorrente de uma expressiva inserção do partido nos movimentos sociais, por ter três mandatos na Assembleia Legislativa e três na Câmara Federal, além do PCdoB estar alinhado com o projeto desde os primeiros enfrentamentos ao carlismo. O documento aprovado na reunião também destaca o potencial político-eleitoral dos nomes selecionados.
"O Deputado Daniel Almeida, liderança consolidada na política baiana, ex-líder da bancada na Câmara e mais votado da esquerda na Bahia em 2014 (135.382 votos); o prestígio e a projeção da Deputada Alice Portugal, candidata a prefeita de Salvador, líder da bancada na Câmara; e o reconhecimento da liderança política de Isaac Carvalho, que exerceu dois mandatos consecutivos como prefeito de Juazeiro, credenciam nosso pleito de participação na majoritária", diz o texto.
Recentemente, uma pesquisa divulgada pelo Instituto Paraná, sob encomenda da TV Itapoan, apontou que Alice Portugal é a segunda entre os nomes preferidos do eleitorado baiano para ocupar as duas cadeiras da Bahia no Senado, no próximo pleito. A parlamentar comunista aparece com 26% das intenções de voto, atrás apenas do ex-governador Jaques Wagner (PT), que tem 36%.
Para 2018, o PCdoB-BA pretende continuar, também, com as três vagas que possui na Câmara dos Deputados, e ampliar de três para quatro o número de cadeiras na Assembleia Legislativa do Estado (AL-BA). O documento ainda estabelece como prioridade a luta pela manutenção, em 2018, do atual projeto liderado pelo governador Rui Costa.
Ascom PCdoB Bahia Foto-montagem Blog Geraldo José