Chico Ferreira: Uauá: Na cara dura, secretário/vereador mente para o funcionalismo com a complacência do fraco gestor

Pesquisar este blog

terça-feira, 7 de março de 2017

Uauá: Na cara dura, secretário/vereador mente para o funcionalismo com a complacência do fraco gestor

Em vídeo divulgado nas redes sociais, o Secretário de Planejamento e Finanças de Uauá, Deusdete Ferreira (O GUGU), anunciou o pagamento antecipado dos Servidores Públicos do município para o dia 24 de fevereiro para que os mesmos pudessem brincar o carnaval ou pagar compromissos. Acostumado a resolver as coisas aos gritos ou na cara dura com o coração cheio de rancor, o Gugu se comportou como se fosse o secretário do diabo a serviço da maldade quando não cumpriu com a palavra deixando dezenas de pessoas revoltadas, isso porque criou grande expectativa no funcionalismo que foi ao banco e não encontrou um centavo depositados nas contas.

Em tom raivoso, debochado e cheios de atropelos gramaticais, ele disse o seguinte no vídeo gravado:
“Querido povo da terra de Uauá estamos em véspera de carnaval, véspera de comemorar um tempo novo e tempo de mudança e em nome do Governo ‘Em tempo de mudança’ onde hoje estou representando a Secretaria de Planejamento e Finanças e o Prefeito de Uauá, Lindomar Dantas venho dirigir ao Servidor Público Municipal. Querido Servidor com todos os esforços e dedicação, e principalmente com a responsabilidade em cumprir com as nossas obrigações, estamos efetuado o pagamento de todos os servidores efetivos no dia 24 de fevereiro (?), graças a grande esforço de uma equipe que vem lutando para transformar a nossa terra. Estamos efetuando o pagamento para que todos os servidores comemorem o carnaval que a administração Lindomar está resgatando. Na rua terá o trio Jangada que vem alegrar e resgatar a história de Uauá. Desejo a todos vocês que possam se divertir no carnaval de grande alegria para a nossa terra.”Ainda nesta terça-feira (07) algumas pessoas entraram em contato com a redação do AP para informar que parte dos funcionários ainda não recebeu. “As pessoas estão estressadas, a administração está perdida, sem rumo, desacreditada, chegou ao cúmulo do absurdo de alguém alegar que o problema é do banco, mas todos sabem que é mentira, o banco não tem nada a ver. Eles não fizeram foi depositar o dinheiro do pagamentos dos funcionários, queremos saber onde eles meteram o nosso dinheiro. Isso porque a administração está começando agora, imagine o que iremos enfrentar pela frente. Só Deus para ter piedade de todos nós”, lamentou um dos funcionários.(Fonte:  Jornal  Ação Popular)