Chico Ferreira: Desafetos: Cunha e Garotinho cara a cara na Justiça

Pesquisar este blog

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Desafetos: Cunha e Garotinho cara a cara na Justiça



Desafetos declarados, Eduardo Cunha e Anthony Garotinho podem acabar se encontrando em 2017. A Justiça Federal marcou para abril uma audiência de conciliação de uma ação em que o ex-presidente da Câmara acusa o ex-governador de calúnia e difamação.
Interlocutores contam que Gilmar Mendes está incomodado com a pressão de advogados sobre o TSE. Nas conversas, o ministro cita Cesar Asfor Rocha como autor de investidas para acelerar a análise do processo de cassação do governador José Melo (AM).
“Não vou admitir aqui [no TSE] pressões como as que são feitas sobre o STJ”, disse Mendes, segundo relatos. Asfor Rocha, por meio de sua assessoria, negou tais pressões.  (Painel - Natuza Nery - Folha de S.Paulo)