Chico Ferreira: Marisa: Lula recebe apoio de populares e autoridades

Pesquisar este blog


.

sábado, 4 de fevereiro de 2017

Marisa: Lula recebe apoio de populares e autoridades



IG São Paulo
Cerimônia foi aberta ao público por volta das 10h30 e acontecerá até as 15h; pela tarde, corpo da ex-primeira-dama será cremado em cemitério de SP
O velório deverá ser encerrado por volta das 15 horas, quando o corpo da ex-primeira dama será levado para crematório
O velório da ex-primeira-dama Marisa Letícia Lula da Silva teve início por volta das 9 horas deste sábado (4), no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo. Ela está sendo velada no terceiro andar do edifício, no anfiteatro do sindicato.
Inicialmente, apenas familiares e amigos próximos tiveram acesso ao local. A partir da 10h30, a cerimônia foi aberta ao público. O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva chegou ao sindicato às 8h40, vinte minutos antes do corpo de Marisa Letícia .
Em uma fila que se estende por aproximadamente um quarteirão na lateral do edifício, populares aguardavam a liberação para poderem se despedir da ex-primeira-dama. A partir do momento em que a cerimônia foi aberta, o público seguiu em fila para cumprimentar o ex-presidente.
O senador Eduardo Suplicy (PT), o presidente do PT, Rui Falcão, o ex-deputado federal e ex-presidente do PT José Genoino, o deputado Waldir Maranhão (PP), o ex-senador Luiz Lindbergh Farias Filho (PT) e o governador do Rio de Janeiro Luiz Fernando Pezão (PMDB) são alguns dos presentes. Não foi confirmada a presença do presidente da República Michel Temer (PMDB).
Também estão presentes o ex-presidente do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC Jair Meneguelli, o ex-ministro-chefe de Lula da Secretaria Geral da Presidência Gilberto Carvalho, o ex-ministro da Educação Renato Janine Ribeiro e a deputada Luiza Erundina (PSOL). A ex-presidente Dilma Rousseff (PT) chegou ao local, vestida de preto, por volta das 11h30.
A respeito das manifestações de ódio que a notícia sobre a morte de Marisa causou nas redes sociais, o senador reforçou o pedido de respeito de diversos internautas e autoridades.
"É preciso que haja um respeito e maior solidariedade e compreensão" disse Suplicy, em entrevista à TVT . 
Um mural foi instalado na entrada do sindicato para que as pessoas registrem mensagens de pesar pela morte de Marisa Letícia e de apoio ao ex-presidente Lula.