Chico Ferreira: Cabral empobreceu no Brasil enriquecendo lá fora

Pesquisar este blog


.

domingo, 5 de fevereiro de 2017

Cabral empobreceu no Brasil enriquecendo lá fora



Em 2002, o ex-governador declarou ter menos de R$ 380 mil, contra R$ 827 mil em 1998
Jornal do Brasil
Durante sua carreira na política, o ex-governador do Rio Sérgio Cabral (PMDB), preso na Operação Calicute, a fortuna de Cabral no Brasil foi encolhendo, enquanto ele escondia o dinheiro no exterior. As informações são do jornal Estado de S. Paulo
Quando registrou sua candidatura a senador em 2002, Sérgio Cabral Filho (PMDB) declarou ter pouco menos de R$ 380 mil em ativos. Era uma redução em relação a 1998, quando dissera à Justiça Eleitoral ter patrimônio de R$ 827.872,03.
Porém, de acordo com as investigações da força-tarefa responsável pelas operações Calicute e Eficiência, Cabral teria acumulado ilegalmente US$ 2 milhões, equivalentes a R$ 5 milhões, na conta Eficiência, no Israel Discount Bank of New York, segundo as investigações da. Cabral teria acumulado fortuna no estrangeiro enquanto "empobrecia" no Brasil
Em 2006, na disputa pelo governo, Cabral reconheceu ter no Brasil posses de R$ 647.875,61. Em outros países, de acordo com os investigadores, guardava secretamente US$ 6 milhões (R$ 13,7 milhões).


O contraste entre os patrimônios declarado e real do ex-governador, preso em Bangu 8 na Operação Calicute, chamou a atenção dos investigadores da Polícia Federal e do Ministério Público Federal (MPF). Eles souberam da existência da fortuna em outros países – em dólares, euros, barras de ouro, ações e até diamantes