Chico Ferreira: EM CASA NOVA, PREFEITO WILSON COTA DA CALOTE EM FUNCIONÁRIOS, PRESTADORES DE SERVIÇOS E FORNECEDORES

Pesquisar este blog


.

quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

EM CASA NOVA, PREFEITO WILSON COTA DA CALOTE EM FUNCIONÁRIOS, PRESTADORES DE SERVIÇOS E FORNECEDORES



Funcionários da prefeitura de Casa Nova, na região norte da Bahia, reclamam de salários atrasados há dois meses e do não pagamento do décimo terceiro salário. O sindicato que representa os 1.500 trabalhadores que atuam na área da Educação entrou com ação no Ministério Público, que pede o bloqueio de verbas da prefeitura para que a situação seja resolvida.

"Diante de todos esses problemas, decidimos entrar com um pedido de bloqueio das verbas, uma vez que não temos percebido a responsabilidade do gestor atual com os recursos públicos", disse a diretora do sindicato dos trabalhadores em educação, Maria do Carmo Braga. Os professores afirmam que a primeira parcela do 13º salário deveria ter sido paga até o final de novembro.

O atual prefeito Wilson Cota não foi localizado na prefeitura da cidade. Ele falou sobre a situação da casa onde mora na cidade de Petrolina, em Pernambuco, para onde se mudou após ser derrotado nas eleições de outubro. A casa onde ele está fica a 65 quilômetros de Casa Nova. Funcionários do setor de Saúde, Urbanismo e Transporte, além de pipeiros e caçambeiros, que fazem entrega de água em comunidades da zona rural do município, também dizem que estão com salários atrasados. "Fizemos um acordo no dia 21 de novembro e três parcelas foram pagas, mas não houve pagamento do restante", disse um homem que trabalha como pipeiro.

"Nós não devemos nada de folha. O que está atrasado há dois meses é de professor e merendeiro contratados. Nós pagamos hoje. O décimo terceiro vence hoje, só que não tinha dinheiro para pagar", destacou. Até a noite desta terça-feira, no entanto, os salários dos servidores ainda não havia sido pagos. Sobre o descumprimento do acordo com os pipeiros, o prefeito disse que não tem verba e nem previsão para o pagamento.

Com informações da TV São Francisco

PREFEITO DESAPARECE E DEIXA DEZEMBRO E 13º SEM PAGAR
O atual prefeito de Casa Nova (BA), Wilson Cota (PMDB), não aparece na prefeitura desde que perdeu as eleições. Sem pagar o salário de novembro, dezembro e 13º dos contratados, sem pagar dezembro dos efetivos e com fornecedores reclamando a situação da prefeitura, Wilson Cota deixa a prefeitura em estado de calamidade.

O prefeito eleito, Wilker Torres (PSB), na solenidade de diplomação, ocorrida nesta sexta-feira comentou a situação: “Não tivemos acesso às informações da administração e o que sabemos, por conversa dos servidores, é que não foram pagos os salários dos contratados e efetivos. Não temos ainda respaldo legal para pedir bloqueio das contas, mas a APLB e os sindicatos dos servidores devem pedir estes bloqueios para garantir o recebimento dos salários em dezembro”.

“Não temos idéia do que vamos encontrar. Se confirmado tudo o que ouvimos assumiremos a prefeitura com um débito, só de salários, em torno de 10 milhões em janeiro. Uma situação extremamente difícil”. Para Torres, a saída é “austeridade” e a busca por mais recursos: “teremos de cortar despesas e buscar novas fontes de recursos. Não há outra saída possível”.

A APLB já decidiu em Assembléia pedir o bloqueio das contas e segundo a Coordenadora Regional, Maria do Carmo, o advogado da entidade foi acionado e entrou nesta sexta (16/12) com o pedido na Justiça.