Chico Ferreira: Cabral e outros dois são indiciados pela PF no âmbito da Operação Lava Jato

Pesquisar este blog


.

quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

Cabral e outros dois são indiciados pela PF no âmbito da Operação Lava Jato


Cabral e outros dois são indiciados pela PF no âmbito da Operação Lava Jato


O ex-governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral (PMDB) foi indiciado pela Polícia Federal no âmbito da Operação Lava Jato, após conclusão do inquérito nesta terça-feira (13). Carlos Emanuel de Carvalho Miranda, sócio do peemedebista, e Wilson Carlos Cordeiro da Silva Carvalho, considerado o "braço direito" do ex-governador, também foram indiciados pela PF. De acordo com a investigação, os três teriam sido beneficiados com pagamentos de vantagens indevidas a partir de um contrato da Petrobras com Consórcio Terraplanagem Comperf, formado pelas empresas Andrade Gutierrez, Odebrecht e Queiroz Galvão. O contrato foi celebrado em 2008 no valor de R$ 819,8 milhões, mas por causa dos aditivos passou a custar R$ 1.179.845.319,30. "Apesar da dificuldade no rastreamento de movimentações em espécie, foi possível identificar inúmeros pagamentos realizados em espécie por pessoas relacionadas a Sérgio Cabral", diz trecho do indiciamento, de acordo com o G1. A partir da investigação e de informações de delação premiada, o delegado Márcio Adriano Ancelmo, que assina o indiciamento, menciona pagamento de R$ 2,7 milhões a Cabral. O ex-governador está preso desde 17 de novembro, em ação coordenada pela Lava Jato do Rio de Janeiro e a do Paraná, na Operação Calicute.